Traficantes são presos em Canoas com drogas, toucas ninjas e fardamento da Brigada Militar

A Polícia Civil prendeu nesta quarta-feira (21) dois homens e apreendeu um adolescente no bairro Rio Branco, em Canoas, Região Metropolitana de Porto Alegre. Eles estavam com drogas, toucas ninjas, colete balístico e fardamento da Brigada Militar. Após investigações de 45 dias e monitoramento constante dos indivíduos suspeitos, os policiais civis não tiveram dúvidas sobre a existência da ação criminosa e agiram realizando abordagem pessoal.

Segundo o delegado Maurício Barison, com os indivíduos foram encontradas porções de cocaína, crack e maconha, sendo efetuadas imediatamente suas prisões em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Logo após, em averiguação na residência deles foi apreendido um colete balístico, fardas da Brigada Militar, toucas ninja, munições, rádio comunicador, balança de precisão e materiais para a preparação de drogas. “Foram 800 pedras de crack, 1 quilo de maconha e 13 gramas de cocaína. Todas as drogas estavam em preparação como porções, levando a crer que estavam preparadas para o tráfico ilícito de entorpecentes”.

As suspeitas, além do crime de tráfico de drogas e associação para o tráfico, apontam para possivelmente outros crimes que esses indivíduos estariam envolvidos como enfrentamento com outras quadrilhas de traficantes ou crimes contra o patrimônio, tendo em vista a presença das fardas da BM e toucas ninja, entre outros indícios. Conforme o delegado Barison, a posse de fardamento de força policial será investigada de modo a elucidar se outros crimes teriam sido cometidos com seu uso.

O delegado Mario Souza ressaltou que foi uma ação diferenciada e importante por retirar os materiais, inclusive as possíveis fardas da força de segurança, que estavam nas mãos dos suspeitos. “A investigação da Polícia Civil, através do Denarc, fará contato com a Brigada Militar e realizará a troca de informações necessárias”, destacou Souza.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se você encontrar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Post Author: rita